O mapa operacional

Home/Destaque/O mapa operacional

O mapa operacional

Esta ferramenta é muito útil para proporcionar, em poucos minutos, uma visão macro de uma organização – como ponto de partida para análise de problemas em grupo.

Quatro folhas A4, alguns post-its de 24 x 38mm, e 30 minutos de trabalho num pequeno grupo de colegas – e estará pronto um mapa operacional duma empresa ou da sua área.
O MO serve para fazer análise macro de problemas importantes. Somente dedicaremos postits ao que é crítico: importante e potencial problema, aqui, e agora. 

O fato de termos espaço limitado nos ajuda a manter o foco.

A folha da esquerda é dedicada ao que entra na área, os insumos tangíveis e intangíveis. Em duas colunas: QUEM fornece, e O QUE fornece.

Para continuar lendo, clique aqui.
Em Novembro de 1996, Claus Süffert plantou uma semente chamada Quality Inn, germinada pela sua experiência profissional em empresas de grande porte, como os 5 anos em que trabalhou na Petrobrás e a sua carreira de 25 anos no Grupo Gerdau. Foi durante esse período na Gerdau que teve seu primeiro contato com os conceitos de Gestão da Qualidade Total, método que futuramente serviria de base para a sua própria empresa.
2018-12-07T13:19:23+00:00 7 / dez / 2018|Destaque|